Posted by: Aba Cohen | April 21, 2008

Teletransporte Real ———— Real Teleportation

(in English, see below)

Para quem gosta de assuntos interligando Alta Tecnologia & Tendências no mundo das comunicações, um bom espaço de visitas é o Bricolagem High Tech editado por Suzana, uma pessoa realmente HighTech. Recentemente li sobre a (in)satisfação do “publico HighTech” quanto a rapidez da transferência de dados e a desproporcional lentidão do transporte de massas (objetos). Aproveitei a visita para fazer alguns comentários sobre as reais [porém ainda remotíssimas] possibilidades de teletransporte de matéria (no sentido do Jornada nas Estrelas mesmo – que em princípio podem ser realizadas, tendo em conta o que oferece a Física Moderna). Meu comentário foi em contraponto com (e aproveitando) o que tem sido denominado, pela Óptica Quântica dos dias atuais por “teletransporte”, que coloco entre aspas,  pois embora muito importante, envolve apenas “transferencia de informações quânticas”

Visiting the blog Bricolagem High Tech , edited by Suzana – a really High Tech girl,  I saw a discussion on the contrasting high speed flow of huge volumes of information against the low speed of the mass (bodies) transportation. There, I comment on the real [but still remote] possibilities of  teleportation (in the real  Star Trek sense, as far as Modern Physycs permits) – of  “instantaneous” mass transfer- that differs from the so called “teleportation” , named by Quantum Optics researchers, where important research accounts “only for quantum information  transfer” , also used  (but not only) in my comment/proposition.


Responses

  1. Thanks for the “really high tech girl”🙂

  2. Em Jornada nas estrelas a nave Enterprise acelera,porém não ocorre nenhuma reação.
    Digo,os tripulantes não são jogados para frente,e pela 3ª lei de Newton,ação e reação algo deveria ocorrer.
    Isso está errado?Se sim,como posso provar matematica e fisicamente?

    Existe fórmula para provar que o som não se propaga no vácuo?

    • Voce está certa Juliana: se a nave está se acelerando, os tripulantes necessariamente terão que receber uma força para também serem acelerados junto com a nave. Caso essa força não atue nos passageiros, seus corpos tenderão a “ficar para trás”. Em outras palavras, na nave acelerada os corpos não tendem a ficar “estáticos” com se a nave estivesse parada ou com velocidade constante.

      Quanto ao som não se propagar no vácuo, há expressões teóricas que permitem calcular a velocidade do som num dado meio. Tal expressão inclui a densidade do meio (kg/m3) que no vácuo vale zero. Por esse caminho a velocidade é nula.


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Categories

%d bloggers like this: